InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Fic: Hikari - A Paixão [+18]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Leky-chan
Novato
Novato
avatar

Número de Mensagens : 2
Idade : 28
Data de inscrição : 08/12/2008

MensagemAssunto: Fic: Hikari - A Paixão [+18]   Seg 8 Dez - 19:15

Prólogo

Esta história relata uma parte perturbada da vida de uma jovem e inocente garota chamada Hikari Seijun, que irá narrar esta parte de sua vida para tentar saciar nosso insaciável desejo por tristeza, dor, felicidade, amor e sobretudo luxuria.


Capitulo Um

A Jovem


Era mais um dia comum, eu tinha acordado as 6:30 da manhã para me arrumar para ir a escola, era o primeiro dia do meu primeiro ano como colegial, eu não estava nem um pouco animada pois enquanto minhas amigas tinham ido estudar no colégio Shikuhachi perto de casa, eu acabei indo para um colégio em que minha mã sempre sonhou em ter estudar, o renomado instituto Koi.

-Grande porcaria ― pensei quando minha mãe me disse que eu ia estudar lá ― minhas amigas não estarão lá, vou ficar sozinha.

Após ter tomado meu banho, fui por meu novo uniforme escolar, o uniforme do Instituto Koi, ele era simplório, não era ao estilo sailor, mas até que era bonitinho, ele era branco e macio com pequenos bordados de pétalas em seda pelos punhos de suas mangas, na frente havia um pequeno bolso que possuía um bordado de seda no formato de uma flor, ambos os bordados de cor bege bem claro e na manga do braço direito havia o emblema da escola um escudo onde havia uma arvore florida e um casal vestindo roupas da era feudal, aquele emblema realmente me impressionara, sua saia pregada ia quase até minhas canelas, o que me aliviou pois tinha vergonha de mostrar minhas pernas em publico.

-Como alguém tem coragem de usar isso? ― embora o uniforme fosse bonito por sua simplicidade e ao mesmo tempo requinte, não puder deixar de pensar nas inúmeras de coisas que poderiam acontecer a ele, incluindo ser molhado por algum engraçadinho.

Já vestida e de café tomado fui apressada para o ponto de ônibus pois as aulas começavam as 7:30 e eu não poderia chegar atrasada logo no meu primeiro dia, chegando na escola sem problemas embora quase tenha me atrasado pois havia ocorrido uma pequena batida no caminho envolvendo dois carros que estavam a frente do ônibus onde eu estava, fui logo procurando o auditório para assistir a cerimônia de inicio das aulas, mas o campus da escola era não só grande como confuso, acabei me perdendo, me perdendo como uma cobaia num labirinto, ou era assim que me sentia naquela hora, não sabendo por onde vim ou pra onde deveria ir, decidi me aventurar nos corredores do instituto a procura do auditório ou de alguém que me pudesse dizer, embora quase todas as pessoas estavam nele naquela bendita hora.

-Quem foi o idiota que construiu uma escola grande desse jeito ― resmunguei sem nenhum pudor pois os corredores pareciam desertos.
-Não use palavras desse nível aqui por favor, é contra as regras do nosso instituto ― disse uma voz suave e ao mesmo tempo repreensiva que vinha de trás de mim.
-Talvez seja um fantasma? ― pensei eu um pouco assustada pois morria de medo de assombrações e aquele corredor deserto como tantos outros em que eu havia passado tinham a atmosfera perfeita para uma aparição ― não tenho nenhum assunto com fan-fan-fantasmas ― disse tremendo de medo.

A voz que antes me repreendia agora ria divertidamente, seu riso ecoava pelo corredor deserto fazendo me sentir terrivelmente envergonhada pois definitivamente não poderia se tratar de um fantasma, virei-me um pouco frustada e pude ver a pessoa que ria, era uma jovem de cabelos negros lisos, pele branca como a de uma boneca de porcelana, sua risada transbordava tranqüilidade embora me envergonhasse um pouco pois aquela risada se dava por minha causa, ela havia achado tanta graça em minha gafe que agora se encontrava de joelhos rindo sem sinal de que iria conseguir parar, aquilo me deixou ainda mais frustada.

-Qua-qual é a graça? ― perguntei um pouco hesitante.

A jovem após parar de rir e soltar um leve suspiro de alivio, levantou-se tranqüilamente dando leves batidas em sua saia para limpara, a jovem de pé era um pouco mais alta do que eu, seu semblante agora exibia um sorriso leve, embora eu pude notar que ela o estava forçando para não cair na risada novamente.
Ela fitou-me por um instante, seus olhos negros como a noite eram tão penetrante que pareciam poder ver adentro de minha alma, era um olhar incrivelmente belo.

-Me desculpe, não pude me conter, como deve ter notado não sou um fantasma, mas diga-me porque estava alterada ofendendo o fundador desta escola? ― perguntou-me, dessa vez sua voz não estava mais repreensiva, mas doce, naquele instante aquela voz fez-me sem notar, fitar os lábios daquela jovem, eles eram delicados sua cor rosada como uma pétala faziam deles tão desejáveis que...
-Algo errado? ― Aquela pergunta me fez perceber o que eu estava fazendo, como se me tivesse acordado de um transi.
-Não nada ― apressei-me em respondê-la para que não notasse o que eu tinha feito ― eu estava procurando o auditório, mas acabei me perdendo por causa que essa escola é muito grande ― disse a um pouco envergonhada por ter olhado a daquela maneira, rezei para que ela não tivesse notado, e para minha sorte parecia que não havia.
-Eu também estava indo para lá, me acompanhe que te levarei até lá, mas temos que ir depressa, pois só falta pouco tempo até a cerimônia começar, a cerimônia começava as 8 horas e faltava 5 minutos para tal, corremos passando corredores que para qualquer um seriam idênticos, mas ela os distinguia com muita facilidade, deduzi que ela fosse de algum ano acima do meu.
Poucos minutos depois avistávamos as portas que conduziam ao auditório a tempo de entrar para a cerimônia, as portas estavam entreabertas apenas as empurramos um pouco para terminar de abri-las para entrar, entramos quase que ombro a ombro roubando alguns curiosos olhares de estudantes que estavam sentadas nas fileiras mais próximas as portas, senti um leve desconforto ao perceber que os estudantes que antes apenas nos observavam entrar agora cochichavam sem aos menos disfarçar quando eu os olhava, no auditório havia 3 grupos de cadeiras, rapidamente deduzi que cada grupo se tratava de um ano escolar.

-Até mais ver ― disse a jovem fazendo um leve aceno de cabeça antes de ir se sentar no grupo de cadeiras do meio que correspondia ao segundo ano.

Diferente de antes sua voz não estava doce, nem mesmo repreensiva, parecia reservada e triste. Sem saber o que responder apenas permaneci imóvel enquanto observava a jovem seguir até seu acento,
Logo me recompus e segui para o grupo de cadeiras da extremidade esquerda do auditório que pensei ser correspondente ao primeiro ano, embora naquele momento não importava, a única coisa que importava naquele momento era me sentar logo, antes que alguém me repreendesse novamente.
Ao me sentar em um dos poucos lugares vagos que ainda restavam não pude deixar de lembrar que nem ao menos nos apresentamos, que nem ao menos sabia seu nome e ela o meu, fiquei tentando imaginar seu nome, do que gostava, e do que não gostava, mas nada em que imaginava me parecia com a verdade. Um silêncio tomou conta do auditório quando o diretor pediu a palavra para iniciar a cerimônia, após um breve discurso de boas vindas ele entregou a palavra para o orador daquele ano, era um rapaz requintado de boa aparência seu uniforme branco não possuía os bordados como no feminino, aquele branco de seu uniforme e sua aparência deslumbrante fez com que ele ganhasse a aparência de um anjo, por um momento enquanto ele saudava os novos alunos e discursava dando boas vindas aos novos alunos e um bom retorno aos que já estudavam lá, logo o reconheci ele era Kanae Shinobu, um estudando do ultimo ano, ele era famoso até mesmo entre as garotas de minha antiga escola, filho de uma familia honorável e tradicional daquela região e herdeiro de uma editora bem sucedida, sua personalidade demonstrava que ele devia ser um rapaz responsável, além de um dos melhores alunos, ele era um príncipe, praticamente perfeito, sem defeito algum, embora agora eu estudasse na mesma escola que ele, aquilo não me animava.
Logo ao fim da cerimônia quando a multidão se dirigia para a saída do auditório, tentei procurar no meio de centenas de estudantes a jovem que mais cedo me repreendera, vasculhei com o olhar aquele multidão enquanto passava pela porta que conduzia aos corredores outra hora desertos e assombrosos que agora aos poucos deveriam estar se enchendo de vida pelas centenas de alunos e alunas que seguiam por eles aos grupos.
Após toda aquela multidão ter saído, me encontrava imóvel de fronte a porta, em meu semblante estava exposto um olhar murcho pela decepção...

-Olá novamente, esta tudo bem? – disse mais uma vez a doce voz que me repreendera mais cedo, ao ouvir aquela doce voz que lembrava-me o canto dos pássaros meu semblante mudou para um tranqüilo e aliviado sorriso, me virei certa de que veria a jovem, e lá estava ela esboçando um lindo sorriso enquanto esperava minha resposta.

...........................

Bom pessoal essa é minha primeira fanfic que exponho a publico então por favor sejam sinceros. ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://leky-chan.blogspot.com/
Kmia
Novato
Novato
avatar

Número de Mensagens : 8
Idade : 29
Localização : rio de janeiro
Data de inscrição : 25/01/2009

MensagemAssunto: show   Dom 25 Jan - 16:01

cara, que dificuldade pra fezer um comentario.....(axo que era prq eu não sabia como postar, Question . sou nova nisso Laughing )
+ finalmente consegui!!!

seu trabalho ta ficando lindo!!!
tô gostando muito!!!

+ eu lhe imploro posta até o final,please!!!

é prq eu li alguns trabalhos muito bons,mas q ficaram pelo caminho Sad .

vou acompanhar o teu!!!

estou ansiosa pela proxima parte sunny
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leky-chan
Novato
Novato
avatar

Número de Mensagens : 2
Idade : 28
Data de inscrição : 08/12/2008

MensagemAssunto: Re: Fic: Hikari - A Paixão [+18]   Qua 28 Jan - 16:38

obrigada, tava curtindo as férias ai nem entrei muito no pc, por isso ainda não terminei o capitulo 2 mas vou sim até o final ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://leky-chan.blogspot.com/
Pixel Girl
Novato
Novato
avatar

Número de Mensagens : 18
Idade : 25
Localização : Los Angeles,EUA
Data de inscrição : 18/05/2010

MensagemAssunto: Re: Fic: Hikari - A Paixão [+18]   Ter 15 Jun - 17:37

Nussa,que história facinante,adorei...

quando vai sair o 2º capitulo?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Fic: Hikari - A Paixão [+18]   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Fic: Hikari - A Paixão [+18]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Talentos :: Trabalhos-
Ir para: